terça-feira, 19 de abril de 2011

Em Segundos...

Com o tempo,os bebês crescem.
Com o tempo,as flores desabrocham.
Com o tempo,as pessoas envelhecem.
As horas passam, é já amanheceu.
As horas passam,e já é momento de partir.
As horas passam,e o sorriso se perdeu.
Quando nos damos conta,esquecemos o principal.
Quando nos damos conta,a canção já terminou.
Quando nos damos conta,já é outro carnaval.
Com o tempo,as folhas caem,as lembranças chegam
e a vida,vai.
As horas passam,e o avião não esperou,a esperança ficou
e a ampulheta se quebrou.
Quando nos damos conta,o verão acabou,o frio chegou
e o trem da história,passou.


(Luana Martins)

3 comentários:

fabionikit disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Thamiris Valente disse...

Perfeito poema!Cronologia maravilhosa da vida!

Betty disse...

É Luana, o desafio maior que a vida nos propõe é, exatamente, viver o presente como algo palpável, pois por parecer fugaz, parece nos fugir literalmente das mãos.