domingo, 22 de julho de 2012

Em Tempo...

E então,é mais um coração partido.
Mais uma lágrima que cai.
Mais um ser ferido.
Ali,mais um corpo estendido.
Mais um sorriso quebrado.
Mais um coração foi calado.
Foi mais uma vida,mais um irmão
que você não vê,até cair na sua mão.
Tempo interrompido.
Vidas marcadas.
Sonhos que são destruídos
simplesmente por nada.
Crianças nascendo em solo marcado.
Crescendo em um tempo perdido,
em um faroeste enraizado.
A perfeição não existe,
e lá não iremos chegar.
Mas a paz que existe em cada um,
é o principal a se resgatar.
Não temos que nos acostumar com a maldade,
isso,já vimos demais.
Onde está nossa coragem?Por que não lutar?
Enquanto houver o nascer do sol e
o sorriso de uma criança,eu vou me encantar,
vou acreditar.

(Luana Martins)

2 comentários:

Rita Medeiros disse...

E NO FINAL, SOMOS TODOS INOCENTES... BELO TEXTO! TE AMO! BJ

Hadnan disse...

Lindo, Lua!!! :)