segunda-feira, 11 de julho de 2011

Você em mim

Venha para ficar e ser o que será.
Deixe o melhor de ti em mim tocar.
Não se apresse que a pressa
faz perder o brilho do momento.
Não demore tanto que é pro encanto
não se perder com o tempo.
Permita que as palavras dancem
conforme a batida do seu coração.
Permita que seus olhos transbordem
quando não mais puder esconder a emoção.
Que as mãos busquem se encontrar
quando a distância for de um passo.
E que as pernas inquietas obedeçam
quando a vontade for de um abraço.
Que os lábios sejam um só
num momento de desejo.
E que o pensamento seja sempre
nosso transporte, quando a distância
não permitir o beijo.

(Luana Martins)

4 comentários:

mamãe disse...

Poxa! Belíssimo! Gostei muito de como brincou com as palavras e do sentimento exposto nesta brincadeira. Lindo!

Jeferson lima disse...

Lindas e belas e sabias palavras!!!!!!!!colocações perfeitas.....Parabéns...

Hadnan disse...

Amei a musicalidade e o jogo de palavras!!!
Parabéns, Lua!!! ;)

Betty disse...

Que inspiração moça! Este poema reflete bem o despertamento da paixão. Que sempre estejamos apaixonados por pessoas, pelas ideias, pela vida. Parabéns poetisa!